6666betg

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
DIA MUNDIAL

Pro Paz realiza ações de cidadania e palestras para homenagear as mulheres

Por Redação - Agência PA (SECOM)
06/03/2015 21h54

Ações de cidadania e palestras sobre vários temas, incluindo o enfrentamento à violência contra a mulher, marcarão, na Região Metropolitana de Belém (RMB) e no interior do Estado, a participação do Programa Pro Paz, por meio dos projetos Cidadania e Mulher, na semana alusiva ao Dia Internacional da Mulher. Nesta sexta-feira (06), psicólogas do Pro Paz Mulher ministraram palestras em órgãos governamentais, como o Departamento de Trânsito do Pará (Detran) e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), e ainda em empresas privadas. Os encontros tiveram como tema a violência contra a mulher e os serviços ofertados pelo Pro Paz Mulher na RMB e em outras regiões.

Segundo a coordenadora do Pro Paz Mulher, Naiana Santos, as mulheres atendidas pelo programa em Belém serão homenageadas na próxima segunda-feira (09), em evento no auditório da instituição. “O evento deve durar o dia todo. A partir das 09 h, com a palestra de abertura, receberemos mulheres atendidas no núcleo e servidoras da instituição para palestras de conscientização, palestras sobre dança e oficina de artesanato reciclado. Essa será uma forma de abrir as portas do nosso núcleo para que as mulheres atendidas se integrem com outras mulheres, troquem experiências e se integrem conosco, que somos responsáveis por acolhê-las em alguns dos seus momentos mais difíceis”, detalha a coordenadora.

O Governo do Pará criou o Pro Paz Mulher em julho de 2014 para integrar a Rede de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência, que reúne ações e serviços nas áreas da assistência social, justiça, segurança pública e saúde. O atendimento tem o objetivo de contemplar o eixo de assistência previsto na Política Nacional de Enfrentamento à Violência Contra as Mulheres, cuja maior representatividade está na Lei 11.340/2006, a Lei Maria da Penha. De marco de 2012 a fevereiro de 2015 foram acolhidas pelo Pro Paz Mulher mais de 09 mil mulheres em situação de violência, aproximadamente mil atendimentos somente nos primeiros dois meses de 2015.

O Pará está na vanguarda deste atendimento realizado pelo projeto, pois é o primeiro da Região Norte, e um dos poucos do Brasil, a reunir, num único espaço, todo o atendimento especializado e interdisciplinar oferecido à mulher. O atendimento às mulheres em situação de todas as formas de violência, com o formato psicossocial e humanizado, foi iniciado em 2012, por meio do Pro Paz Integrado, com núcleos localizados na Região Metropolitana de Belém e no interior do Estado, por meio dos núcleos de Tucuruí, Paragominas, Bragança, Santarém e Altamira.

De acordo com o presidente do Pro Paz, Jorge Bittencourt, houve aumento significativo no número de atendimentos no Pará. “Chegamos a uma variação de 131,7% de aumento no atendimento, se compararmos aos anos de 2013 e 2014. A evolução no atendimento à mulher em situação de violência pode ser atribuída ao fortalecimento da rede de enfrentamento estadual, à descentralização dos serviços com a criação do Pro Paz Mulher na Região Metropolitana e à criação dos núcleos no interior do Estado, um compromisso firmado e cumprido pelo Governo do Pará com a rede de enfrentamento à violência contra a mulher”, explica Jorge Bittencourt.

COMEMORAÇÃO EM BELÉM E NO INTERIOR

Praça da República - A Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), por meio da Coordenadoria de Integração de Políticas para as Mulheres, promoverá neste sábado (7) uma campanha, que inclui caminhada para abrir a programação do mês da mulher. A marcha tem como objetivo sensibilizar e mobilizar a sociedade para o fim da violência contra a mulher. A programação começará às 8 h, com caminhada partindo da Praça do Relógio (Ver-o-Peso) até a Praça da República, onde será realizada uma Ação de Cidadania pelo Pro Paz e órgãos parceiros, como Polícia Civil, Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), Defensoria Pública do Estado e Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). Os serviços, que incluem emissão de documentos de identidade, carteira de trabalho e certidão de nascimento, assim como atendimentos em saúde (clínica médica, pediátrica e testes rápidos de HIV e hepatites viárias), serão gratuitos. No dia 14 de março, no outro sábado, uma ação conjunta ocorrerá em Belém e no município de Ananindeua.

Pro Paz nos Bairros – Polo UFPA - No dia 14 de março, das 8 às 13 h, no polo do Pro Paz nos Bairros, situado na Avenida Tucunduba, próximo à Avenida Perimetral, no bairro do Guamá, haverá atendimento gratuito de cidadania, saúde e orientação jurídica, em parceria entre o Governo do Pará, por meio da Sespa e Pro Paz, com a Prefeitura Municipal de Belém, Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJE/PA) e Defensoria Pública do Estado.

Haverá distribuição de senhas, por ordem de chegada, para os serviços de emissão de documentos; atendimento jurídico, pelo projeto “TJE Itinerante” e pela Defensoria Pública; atendimentos em clínica médica, pediatria e ginecologia; vacinação contra tétano, febre amarela, tríplice viral e hepatite B; testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite B e C; cadastro do “passe livre” para os idosos, por meio da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob); cadastro para o programa Bolsa Família, que será realizado pela Fundação Papa João XXII (Funpapa), além de liberação de microcréditos pelo Fundo Ver-o-Sol, da PMB.

A Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) e a Guarda Municipal de Belém também promoverão atividades recreativas para as crianças da comunidade, por meio dos projetos “Brinca Belém” e “Anjos da Guarda”.

UIPP Distrito Industrial (Ananindeua) – O Pro Paz Cidadania, na Unidade Integrada Pro Paz (UIPP) do Distrito Industrial, em Ananindeua, em parceria com a Prefeitura de Ananindeua/Secretaria de Assistência Social e Coordenadoria da Mulher de Ananindeua, TJE/ PA, MP/PA, Polícia Civil, Defensoria Pública, Sejudh, Seaster e Sespa, promoverá ação no dia 14 de março, das 8 às 13 h, na própria UIPP, localizada no final da linha do Distrito Industrial.

Serão ofertados gratuitamente os serviços de emissão de documentos; atendimento jurídico; cadastramento CAD Único; atendimentos em saúde - clínica médica e pediatria; vacinação contra tétano, febre amarela, tríplice viral e hepatite B, testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite B e C, além de cortes de cabelo e tratamento de estética facial.

AÇÕES NO INTERIOR

Pro Paz Integrado de Paragominas - A equipe do Pro Paz Integrado de Paragominas, na Região do Capim, integrará a ação "Saúde da Mulher", em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi) e Secretaria Municipal de Saúde. O objetivo é oferecer serviços que atendam às necessidades básicas, visando o resgate de cidadania, saúde e o bem estar da mulher. A mobilização ocorrerá das 8 às 14 h, no Sesi Paragominas, localizado na Rodovia PA-256, KM-0, nº153, no bairro Nova Conquista.

Na segunda-feira (09), as 09 h, no auditório da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), o Pro Paz Integrado da regional participará do evento organizado pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), quando haverá palestras sobre os serviços do Pro Paz e a Lei Maria da Penha. Na terça-feira (10), das 10 às 16 h, o Pro Paz será parte integrante do evento organizado pelo Hospital Regional Público do Leste (HRPL), com palestras sobre o tema "Diga não à violência contra mulher", no auditório do hospital.

Pro Paz Integrado de Tucuruí – Na segunda-feira, a equipe do Pro Paz Tucuruí ministrará palestra com a equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) sobre o tema “Saúde da Mulher”. Nos dias 10 e 11 de março, a equipe abordará a violência doméstica e a autoestima da mulher, e na Escola Rui Barbosa a palestra será sobre o enfrentamento à violência contra a mulher e o trabalho realizado pelo Pro Paz na região. Já no dia 17, a palestra será realizada na Escola Ribeiro de Souza.

Pro Paz Integrado de Santarém - Nesta sexta-feira (06), os servidores do Pro Paz de Santarém iniciaram o dia de trabalho comemorando o Dia Internacional da Mulher com um café da manhã. À tarde, ofereceram um lanche com sorteio de brindes.

Pro Paz Integrado de Bragança - Em parceria com a rede de atendimento, saúde, educação e assistência social, os servidores do núcleo de Bragança ministrarão palestras educativas no período de 06 a 17 de março, sobre o tema “Violência contra mulher”. No mesmo período também haverá uma programação interna sobre cidadania do Pro Paz, com emissão de documentos de identidade e distribuição de brindes para as mulheres.

ONDE ENCONTRAR ATENDIMENTO EM CASOS DE VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Pro Paz Mulher/ Deam - Belém: Travessa Mauriti, 2394, entre Av. Rômulo Maiorana (antiga 25 de Setembro) e Duque de Caxias, no bairro do Marco. Os serviços do Pro Paz Mulher funcionam de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 h. Já o atendimento da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) funciona 24 horas.

Núcleo Pro Paz Integrado Bragança: Rua Martins Pinheiro, s/n, esquina com a Avenida Duque de Caxias, bairro Alegre, fone: (91) 3425-4952.

Núcleo Pro Paz Integrado Santarém: Av. Sérgio Henn, nº 70, bairro Interventoria, fone: (93) 3223-5353.

Núcleo Pro Paz Integrado Paragominas: Rua Industrial, s/n, bairro Jardim Bela Vista, ao lado do Quartel, fone: (93) 3279-1068.

Núcleo Pro Paz Integrado Altamira: Rua Curitiba, s/n, bairro Jardim Uirapuru, fone (93) 3515-1280.

Núcleo Pro Paz Integrado Tucuruí: Rua São Paulo, s/n, bairro Bela Vista, ao lado da Creche Menino Deus, atrás do prédio do Detran, fone (94) 3787-3344.

6666betg Mapa do site