bet365.es

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
FIM DE SEMANA

Empreendedorismo negro movimenta Centro Histórico de Belém

Doze estandes reuniram produtores locais em uma programação que incluiu o show instrumental do violonista Nego Nelson

Por Iego Rocha (SECULT)
08/11/2021 12h19

Gastronomia, artesanato, moda e muita música recepcionaram os visitantes que circularam pela Praça da Fonte e Píer das Onze Janelas, no último domingo (07). A ação, realizada pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), integra o Preamar da Criatividade – Edição especial de empreendedorismo negro, e ocorreu das 9h às 18h. Além dos 12 estandes de produtores locais, a programação incluiu um show instrumental do violonista Nego Nelson.

A empreendedora Mainara Santana, 29 anos, faz parte da Cerâmica Família Santana, uma das iniciativas presentes no espaço. Para ela, as pessoas estão buscando cada vez mais consumir criatividade e cultura, e incentivar os empreendedores locais. "O Preamar é uma feira que acontece todos os meses, e dentro desse calendário de atividades, ter um Preamar que traz somente os empreendedores negros é muito importante porque isso é a Secretaria de Cultura sinalizando que para ela é importante a gente falar sobre esse empreendedorismo como ferramenta de conexão, de expansão. Então, estar junto aqui é bem legal, é muito bom", ressaltou Marinara.

Ela explicou ainda como surgiu o trabalho que a família desenvolve na produção de cerâmica. "A nossa cerâmica existe desde 1945, começou a tradição com a minha avó, passou para o meu pai e agora para mim. É muito legal porque a gente vê essas cerâmicas se renovando, trazemos a tradição da cerâmica, imprimindo a nossa identidade, o que para nós é o mais legal, é brincar com essa ferramenta e ela ser um transporte mesmo, um veículo daquilo que a gente quer falar para as pessoas, como queremos atingir essas pessoas", comentou.

A professora Aloma Chaves, 55 anos, aproveitou a oportunidade para prestigiar o trabalho dos empreendedores negros. "Eu acho ótimo e sou super a favor que o Estado incentive essas atividades culturais respeitando essa diversidade imensa, existente em Belém e estou muito feliz de estar aqui. Acho essencial o papel da Secult nesse caminho de fomentar essas iniciativas e divulgá-las. É muito importante essa política de fomento e tem mais que continuar. Estão de parabéns", pontuou a visitante.

Bruno Chagas, secretário de Estado de Cultura em exercício, explicou que essa edição do Preamar da Criatividade está alinhada ao calendário de ações do Novembro da Consciência Negra. "Ela traz não somente a demonstração do fruto do trabalho dos empreendedores individuais, mas também uma reflexão sobre todo o contexto  que o mês e a data nos trazem. É muito importante que a Secult e o Governo do Estado do Pará possam viabilizar, por meio dos seus espaços, mais uma oportunidade a esses empreendedores, a esses agentes da economia criativa para demonstrar e comercializar o seu trabalho e assim fazer com que a importante roda da economia possa girar e gerar frutos cada vez mais pra sociedade paraense", frisou.

Domingo da gratuidade

No domingo (07), os visitantes também tiveram a chance de visitar os museus do Centro Histórico de Belém gratuitamente, por meio do projeto "Domingo da Gratuidade", realizado pela Secult no primeiro domingo de cada mês. Foi o caso da estudante de Relações Internacionais, Lorena Gomes, 20 anos. Ela conta que nunca havia frequentado esses espaços museais e resolveu aproveitar para passear e conhecer. "Quando vimos que haveria entrada gratuita, decidimos dar uma volta por aqui. É uma oportunidade legal e está sendo bem interessante, com certeza vamos voltar nos próximos", concluiu a estudante.

Texto:Thaís Siqueira/Ascom Secult

bet365.es Mapa do site