Poker

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
POLÍTICA PÚBLICA

Adepará participa do Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária 

Evento em Brasília objetiva trazer propostas e alternativas para auxiliar os estados na execução do serviço de defesa e inspeção sanitária animal e vegetal

Por Manuela Oliveira (FCP)
18/10/2022 11h00

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) está presente no Fórum Nacional dos Executores de Sanidade Agropecuária (Fonesa), que está sendo realizado até esta terça-feira (18), na sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), em Brasília.

No evento, a Agência é representada pela diretora de Defesa e Inspeção Animal em exercício, a médica veterinária e fiscal estadual agropecuária Adriele Cardoso, representando o diretor geral da Adepará, o também médico veterinário Jamir Paraguassu Macedo.

O Fonesa é um colegiado composto por representantes de órgãos estaduais de Defesa Agropecuária cujo objetivo é trazer propostas e alternativas para auxiliar os estados na execução do serviço de defesa e inspeção sanitária animal e vegetal. Para Adriele Cardoso, é de fundamental importância a participação da Adepará no Fórum. “Nós sempre participamos porque entendemos que é um espaço de definição das diretrizes para as políticas públicas de sanidade animal e vegetal e onde são discutidas as demandas de interesse das defesas agropecuárias de cada estado da federação”, destacou.

Em dois dias de evento, os temas em discussão são os convênios, a integração de sistemas, o uso de inteligência para coibir o trânsito ilegal de produtos agropecuários, repasse de recursos por meio de convênio para os órgãos executores estaduais, investimentos para estruturação da rede nacional de laboratórios credenciados públicos e a criação de fundos emergenciais indenizatórios que auxiliem os órgãos de defesa agropecuário. 

Na área vegetal, os principais assuntos discutidos pelos representantes dos órgãos de defesa estaduais com o MAPA foram a harmonização de procedimentos técnicos e operacionais para repreender o trânsito e o comércio de mudas ambulantes, a criação de um aplicativo para notificação da ausência e/ou presença da ocorrência de pragas quarentenárias e de pragas de importância econômica regulamentadas e campanhas de Educação Fitossanitárias. 

Na área animal, os representantes do Fórum trataram, entre outros assuntos, sobre a minuta do Projeto de Lei que cria o Fundo Nacional de Saúde Animal e a disponibilização de vacinas de Febre Aftosa para a etapa de vacinação que ocorrerá em novembro de 2022.

Texto:Rosa Cardoso/Ascom Adepará

Poker Mapa do site