brkkk9

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
SAÚDE PÚBLICA

Farmacêuticos da Santa Casa atuam desde a entrada até a alta dos pacientes

São 34  profissionais que desenvolvem atividades essenciais em 15 serviços da área farmacêutica

Por Etiene Andrade (SANTA CASA)
19/01/2024 14h06

Farmacêuticos na Central de Misturas: trabalho essencial na rotina hospitalar A Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará ( FSCMP) conta hoje com 34  farmacêuticos, que desenvolvem suas atividades em 15 serviços, que incluem atividades logísticas, clínicas, farmacovigilância e manipulação de medicamentos, assim como o monitoramento dos pacientes desde o início de internação até a alta assistida.

“Tudo o que é prescrito aos pacientes internados na Santa Casa passa pela nossa avaliação técnica de quesitos como dose, posologia, aprazamento, diluição, dentre outros. Nas UTIs, por exemplo, farmacêuticos clínicos acompanham e avaliam a terapia de medicamentos, interações, incompatibilidades e eficácia”, informa a farmacêutica Haila Vieira, referência técnica do Serviço de Farmácia.Profissional durante a manipulação de medicamentos

Seja em outros ambientes hospitalares ou ao lado dos pacientes, a atuação desse profissional contribui para a qualidade de atendimento e aumento da segurança no uso dos medicamentos.

Logística - “Na FSCMPA, o farmacêutico tem um papel fundamental na gestão logística de medicamentos e insumos, garantindo o uso seguro e racional de medicamentos, contribuindo assim na otimização de recursos e redução de custos, além das atividades clínico-assistenciais, objetivando o acompanhamento farmacoterapêutico dos pacientes desde a entrada até a alta assistida e orientada”, reforçou Cinthya Pires, coordenadora do Serviço de Farmácia.

Os farmacêuticos estão presentes na Santa Casa desde os anos 1980, e hoje têm papel fundamental em cada serviço e nas equipes multiprofissionais da instituição.

brkkk9 Mapa do site