6666betg

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
MEIO AMBIENTE

Unidades de Conservação reforçam educação ambiental para estudantes paraenses

As áreas protegidas estaduais receberam, em 2023, mais de 3 mil visitas de alunos dos diferentes níveis de ensino

Por Vinícius Leal (IDEFLOR-BIO)
27/01/2024 09h00

Em alusão ao Dia Mundial da Educação Ambiental, celebrado todo dia 26 de janeiro, o Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio), órgão ambiental do Governo do Pará, realiza diversas atividades em suas 28 Unidades de Conservação (UCs). A data tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância da preservação do meio ambiente e promover ações que visem a sustentabilidade.

Uma das gerências responsáveis por essas ações é a da Região Administrativa de Belém (GRB), que engloba o Parque Estadual do Utinga “Camillo Vianna”, o Refúgio de Vida Silvestre (Revis) Metrópole da Amazônia e as Áreas de Proteção Ambiental (APAs) Belém e Ilha do Combu. Somente em 2023, essas UCs receberam mais de 3 mil visitas de alunos dos diferentes níveis de ensino.

As atividades promovidas pelo Ideflor-Bio visam, principalmente, sensibilizar os estudantes quanto a importância da conservação ambiental e despertar neles o interesse pela natureza, especificamente, pela Amazônia. Desta forma, eles se tornam agentes multiplicadores de conhecimento e podem contribuir para a preservação dos recursos naturais.

Durante as visitas às UCs, os alunos participam de atividades como trilhas interpretativas, palestras educativas, oficinas ambientais e atividades práticas de campo. Além disso, eles também conhecem de perto a fauna e a flora da região, aprendendo sobre os ecossistemas amazônicos e entendendo a importância da conservação desses ambientes.

Planejamento - O sucesso das atividades desenvolvidas no ano passado motivou o Instituto a planejar e avançar com ações dessa natureza agora em 2024. A expectativa é aumentar o número de visitas e expandir as atividades educativas para outras UCs do estado.

O presidente do Ideflor-Bio, Nilson Pinto, ressaltou que o Dia Mundial da Educação Ambiental é muito importante, pois serve para conscientizar a sociedade sobre a necessidade de preservar o meio ambiente. "Em nosso Instituto, temos o compromisso de promover ações educativas em nossas 28 UCs, para que as novas gerações possam entender a importância da conservação da natureza e se tornem agentes multiplicadores desse conhecimento", frisou.

Já o titular da GRB, Ellivelton Carvalho, afirma que a educação ambiental desempenha um papel fundamental na formação de cidadãos conscientes e comprometidos com a sustentabilidade. "O Ideflor-Bio, por meio de suas UCs, tem buscado contribuir para a construção de uma sociedade mais responsável em relação ao meio ambiente, promovendo ações que estimulem o cuidado com a natureza e o desenvolvimento sustentável", enfatizou o gerente. 

6666betg Mapa do site